© 2016 - 2018 Cris Loureiro writes

cris loureiro blogs

o meu verbo ir

É Agosto que me irá ver ir. Ir de férias, ir a Portugal, ir passear, simplesmente ir...
Agosto representa o final de um ciclo, de um ano a ir... Desde que a mais velha entrou na escola que não temos outra escolha senão assumir o tempo de férias no mês que considero o pior para ir de férias mas verdade seja dita, desde que tenho a [im]perfect que ir de férias no final de Agosto e recomeçar a rotina em Setembro com regresso às aulas, regresso ao trabalho, preparação da marca para a melhor época, o Natal, voltar em Setembro, renovada, com as energias em alta depois de um merecido descanso, faz todo o sentido e foi mesmo assim que Setembro passou a ser o meu Janeiro. Nele formalizo as intensões pensadas na primeira quinzena de Agosto, o mês que simboliza o meu ir para um Setembro que simboliza um recomeçar.

 

O blogue também irá de férias comigo. Regressará em Setembro para mais um ano de escritas, parcerias, colaborações e muitas ideias, nomeadamente uma que ando a preparar e espero lançar assim que regressar.

 

Ir é ação, é movimento, é aventura e é desconhecido... é desprendimento. E eu vou... sem olhar para trás, apenas com as memórias do que me tornou mais rica, apenas com as horas que me fizeram crescer, apenas com as pessoas que me engrandecem, apenas com o peso que é meu e que devo carregar... Vou porque sou muito mais pessoa de ir do que de ficar...

 

Vou mas nos ouvidos levo vida, alegria e música
 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now